Notícia

O CRN-3 apoia e defende o Guia Alimentar para a População Brasileira
img 18 dez/2020

O CRN-3 apoia e defende o Guia Alimentar para a População Brasileira

Tendo em vista que os guias alimentares são instrumentos que definem as diretrizes utilizadas na orientação de escolhas alimentares saudáveis pela população, o CRN-3 apoia em especial a 2ª edição do Guia, lançado em 2014, uma vez que traz mudanças conceituais em relação à anterior, refletindo as alterações no padrão alimentar e nutricional da população, as quais tem impacto ambiental, social e econômico. 

É um documento oficial brasileiro, fundamentado em inúmeras evidências científicas, que aborda os princípios e as recomendações de uma alimentação adequada e saudável no âmbito individual e coletivo, configurando-se como um instrumento de promoção e proteção ao Direito Humano à Alimentação Adequada.

O Guia apresenta um conjunto de informações, análises, recomendações e orientações sobre escolha, combinação, preparo e consumo de alimentos que objetivam promover a saúde de pessoas, famílias e comunidades e da sociedade brasileira como um todo, além de reforçar que uma alimentação adequada e saudável precisa ser balanceada, deve priorizar os alimentos in natura e minimamente processados.

Além disso, as recomendações contidas no guia consideram as circunstâncias que envolvem o ato de comer, valorizando a maior interação social e o prazer que a alimentação proporciona ao indivíduo.

Neste contexto, o CRN-3 ressalta a importância e defende o Guia Alimentar para a População Brasileira, como um instrumento norteador para escolhas de alimentos adequados e saudáveis pela população, bem como para subsidiar políticas, programas e ações que visem incentivar, apoiar, proteger e promover a saúde e a segurança alimentar e nutricional da população brasileira.

Em continuidade ao posicionamento público em defesa do Guia Alimentar para a População Brasileira publicado em setembro, o Conselho, tendo em vista a Nota Técnica do Ministério da Agricultura solicitando a revisão do Guia Alimentar, manteve interlocução com Parlamentares para que o Ministério prestasse esclarecimentos.

Nesse sentido, diversos Requerimentos de Informação foram apresentados por Deputados Federais, fruto da ampla mobilização de entidades e sociedade. Os esclarecimentos prestados pelo Ministério da Agricultura podem ser acessados aqui.

 

O CRN-3 seguirá acompanhando o assunto.